Início Aeroportos Aeroporto de Araçatuba

Aeroporto de Araçatuba

Atualizamos os números operacionais do Aeroporto de Araçatuba, em São Paulo. Neste trabalho inédito apresentamos informações do histórico de passageiros embarcados e desembarcados no aeroporto de 2000 a 2020, a participação de mercado das empresas em operações domésticas nos últimos 5 anos, entre 2016 e 2020, e finalizando com os voos vigentes no aeroporto.

Vejam os números operacionais do aeroporto, atualizados pelo Portal Aviação Brasil

Participação de mercado dos últimos 5 anos, das empresas que operam voos domésticos de passageiros

Voos em Operação

Um pouco da história

O aeroporto de Araçatuba foi fundado em 1956 e está com 62 anos de operações. É administrado pelo Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo, DAESP, e possui uma pista com 2.100m de operação.

Um pouco do passado recente do aeroporto, através dos números, vimos que nos anos 2000/2001 a TAM dominava as operações em Araçatuba com voos para São Paulo (Congonhas) e Cuiabá.

Em 2002 a Pantanal passou a operar no aeródromo com voos para Congonhas e em 2003, integrada a malha da TAM, absorveu as rotas e operou com exclusividade no aeroporto até 2006.

A chegada da Air Minas e OceanAir em 2007 fizeram com que o volume de passageiros crescesse 140% no ano. Este cenário se manteve até 2009, pois em 2010, a TRIP passou a dividir com a Pantanal os passageiros do aeródromo, dando a opção de Guarulhos para quem optava pela companhia.

Em 2011 a Azul iniciou operações no aeroporto e junto com a TRIP dominaram quase 85% dos passageiros embarcados, com foco nos destinos Bauru e São Paulo (Guarulhos). Em 2012 a Pantanal deixou de operar no aeródromo e a dupla Azul/Trip dominaram as operações até 2014, com a Azul focando Campinas como destino final e a TRIP Guarulhos. Quando a TRIP foi absorvida pela Azul em 2014, a companhia direcionou seus voos com exclusividade para Campinas, que é o que acontece até hoje, meados de 2018.

 

 

error: Conteúdo Protegido !!
Sair da versão mobile