Início Notícias Azul vende passagens para os EUA sem data definida e ainda lidera...

Azul vende passagens para os EUA sem data definida e ainda lidera índices de satisfação de clientes

Foto: Alexandre Barros

Bilhetes para Orlando e Fort Lauderdale estão sendo comercializados pela companhia desde hoje, quinta, 22 de julho, podendo ser utilizados nos primeiros voos após a abertura da fronteira norte-americana para a entrada de brasileiros; oferta será exclusiva para Clientes Diamante, Azul Itaucard ou pertencentes ao Clube TudoAzul

De olho no reaquecimento do turismo e no desejo do brasileiro em voltar a viajar para fora do país após a reabertura das fronteiras, a Azul inova mais uma vez e anuncia a venda de passagens aéreas para os Estados Unidos sem data de embarque.

Os bilhetes serão comercializados a preços promocionais para voos que serão cumpridos ao longo dos 20 primeiros dias após a permissão de entrada de brasileiros no país norte-americano.Os voos serão realizados a bordo das modernas aeronaves Airbus A330, para até 298 passageiros, sempre respeitando os rígidos protocolos sanitários e de higiene estabelecidos pela companhia desde o início da pandemia.

Desde o começo da pandemia, a Azul investiu em tecnologia e inovação garantindo rígidos protocolos de higiene e a máxima segurança para quem nunca deixou de voar e, a partir de agora, para quem deseja voltar à rotina de viagens e para aqueles que pretendem realizar o almejado sonho de viajar pela primeira vez.

Paralelo a tudo isso, a Azul liderou também os índices de satisfação de clientes em todos os quesitos entre companhias nacionais e estrangeiras em boletim da Agência Nacional de Aviação Civil.

Dados do Monitoramento do Consumidor.gov.br apontam que a companhia detém o menor índice de reclamações, lidera percentual de soluções para os problemas dos clientes e em menor tempo do que suas concorrentes

Em uma escala de notas de 1 a 5 atribuídas pelos próprios consumidores, a empresa atingiu 4,23, enquanto a média de outras empresas do setor de aviação está em 3,47, e, das estrangeiras, em 2,57.

Segundo o relatório, referente ao primeiro trimestre de 2021, foram transportados, ao todo, 14.403.228 passageiros pelo Brasil por todas as companhias aéreas e registradas 22.645 reclamações no portal consumidor.gov.br, monitorado pela própria ANAC. Neste cenário, a Azul detém o menor número de reclamações por 100 mil clientes (70,38), índice que reflete metade da média nacional (143,25).

Quando os clientes enfrentaram problemas e entraram em contato com a companhia, 90,9% tiveram suas reclamações resolvidas, número também superior se comparado à média das outras companhias aéreas nacionais (81,34%), além das estrangeiras (65,69%). O Boletim mostra também que a Azul apresentou o menor tempo médio de resposta ao consumidor (4,03), enquanto a média nacional de outras companhias do setor é maior (6,14) e, ainda mais acima, a das estrangeiras (9,53).

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

error: Conteúdo Protegido !!
Sair da versão mobile