Atualizamos os números operacionais do Aeroporto Internacional de Cuiabá, no Mato Grosso. Neste trabalho inédito apresentamos informações do histórico de passageiros embarcados e desembarcados no aeroporto de 2000 a 2020, a participação de mercado das empresas em operações domésticas nos últimos 5 anos, entre 2016 e 2020, e finalizando com os voos vigentes no aeroporto.

Vejam os números operacionais do aeroporto, atualizados pelo Portal Aviação Brasil

A pandemia reduziu em 51% o volume de passageiros embarcados e desembarcados no aeroporto em 2020, chegando a 1,4 milhões de passageiros/ano, próximo aos números de 2008 e 2009. O ano de 2015 continua sendo o de melhor desempenho em passageiros no aeroporto.

A Azul Linhas Aéreas vem dominando as operações no aeródromo e fechou 2020 com 61% do market-share. Até 2018 a Avianca Brasil mostrou certa competitividade com a Latam, mas o encerramento de suas operações em 2019 fizeram com seus clientes migrassem para a Azul e a Latam, mas mesmo assim, a Latam tem praticamente 1/3 do mercado da Azul.

Um pouco da história

O Aeroporto Internacional de Cuiabá, Marechal Rondon, situado em Várzea Grande, há 8 km do centro da cidade de Cuiabá, possui a capacidade de atendimento de 5,7 milhões de passageiros/ano, com uma estimativa de fluxo diário de 8.967 pessoas entre passageiros e funcionários das empresas que operam o sistema aeroportuário.

Vocacionada para o turismo, Cuiabá é a porta de entrada para a Chapada dos Guimarães e para os atrativos naturais da região do Pantanal, o que consolida a orientação do aeroporto para atendimento aos turistas que chegam à região.

O aeroporto foi inaugurado em 1956 e administrado pela Infraero de fevereiro de 1975 a agosto de 2019, quando passou para a iniciativa privada.

A SPE Concessionária Aeroeste Aeroportos S/A (Centro Oeste Airports) foi o vencedor do leilão realizado na B3, em 15/3/2019, para repassar a iniciativa privada os aeroportos de Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, todos em Mato Grosso, que formavam o Bloco Centro-Oeste do edital, com prazo de concessão de 30 anos, iniciado em 4 de outubro de 2019.

Em 1996 o Aeroporto Marechal Rondon, localizado a 10 km do centro da cidade, se tornou internacional.

A Infraero entregou em julho de 2016 parte das obras de reforma e ampliação do terminal de passageiros. As melhorias compreenderam parte da nova sala de embarque doméstico, com operação em ponte de embarque, e a nova sala de embarque remoto.

Com a finalização dos trabalhos, a área do terminal de passageiros do Aeroporto de Cuiabá passou de 8,4 mil para 14,5 mil m², ampliando a capacidade do aeroporto de 2,5 milhões para 5,7 milhões de passageiros/ano. Fonte: Infraero com edição e adição de textos pelo Portal Aviação Brasil

Voos em Operação