Aeroporto de Macaé

2358
Macaé, Aeroporto de Macaé, Portal Aviação Brasil

Aeroporto  de  Macaé não recebe voos regulares e ou fretados de companhias aéreas desde 2015. O  movimento  no  aeroporto  é  voltado principalmente para o atendimento  de funcionários que trabalham nas plataformas de exploração de petróleo  e  gás  na  Bacia  de Campos.

A história desse aeroporto data de 1957, quando um pequeno campo de aviação foi erguido junto à praia, com uma pista de terra que permitia pousos de aeronaves militares em treinamento. Nos anos de 1960 nasceu o atual aeroporto de Macaé com pista de terra e a implantação de um aeroclube. Com a crescente demanda local, o Aeroporto de Macaé, fundado em dezembro de 1981, foi incorporado pela Infraero em janeiro de 1982, quando foram construídos um pátio de aeronaves e um terminal de passageiros. A partir de 1983 a Petrobras instalou na cidade de Macaé a sua base de apoio para as atividades offshore, nas plataformas marítimas e o movimento no aeroporto teve um grande crescimento, chegando a dobrar o número de passageiros. Desde então, todo o histórico de desenvolvimento do Aeroporto de Macaé está intimamente ligado à Bacia de Campos. Em 1984 a pista de terra de 1.200 metros foi asfaltada.

Em 2001 e 2002 a Total Linhas Aéreas realizou fretamentos para o Galeão e Salvador e a Rio Sul para o Santos Dumont e Congonhas. Em 2003 a OceanAir passou a fazer voos regulares para o Santos Dumont e pontuais para Campos e Guarulhos. Em 2004 a OceanAir abriu voos para Vitória. Em 2005 a Team entrou na concorrência com voos para o Santos Dumont. Em 2006 a Team entrou também na linha de Vitória quando a OceanAir deixou de operar para aquela cidade. Em 2008 a TRIP entrou na concorrência com voos para o Santos Dumont. Em 2009 a OceanAir abandonou a base e a Team tornou regular o voo para Campos e descontinuando Vitória. Com a paralisação das atividades da Team, em 2011 a TRIP ficou exclusiva no aeroporto com voos para Campos, Santos Dumont e Vitória. Em 2012 a Trip abriu voos para o Galeão. No final de 2013 a Azul Linhas Aéreas iniciou voos no aeroporto com voos para Campinas, também servido pela Trip. Em 2014, só a Azul, com a incorporação das operações da TRIP, operava em Macaé. Em 2015 a deixou de operar de Macaé para Campinas e Vitória e passou a ligar o Galeão, além dos Santos Dumont. Em maio de 2015, a Azul deixou de operar para o Santos Dumont e manteve as operações para o Galeão até o mês de julho. Desde então, nenhuma outra empresa aérea realizou qualquer operação em Macaé.

Fonte: Infraero (editado por Aviação Brasil)