Foto: Emirates

Honrando o seu compromisso com a saúde e segurança de seus funcionários e clientes, a Emirates hoje se tornou uma das primeiras companhias aéreas do mundo a operar um voo com equipes de linha de frente totalmente vacinadas em todos os pontos de contato com os clientes.

Esta manhã, a experiência completa do cliente no aeroporto e embarque do voo EK215, que partiu de Dubai às 8h30 com destino a Los Angeles, contou com a segurança de funcionários que optaram pela vacinação atuando nos setores de check-in, segurança, lounge da classe executiva e primeira classe e portão de embarque, além de engenheiros, pilotos e tripulação de cabine.

Também participaram das operações do voo as equipes totalmente vacinadas de limpeza das aeronaves, carregamento e movimentação de bagagens da dnata, além das equipes da Emirates SkyCargo que trabalharam no transporte de carga e logística do voo EK215.

O Grupo Emirates lançou sua campanha de vacinação há pouco mais de um mês e, desde então, cerca de 26 mil funcionários, ou 44% da força de trabalho da linha de frente do Grupo nos Emirados Árabes Unidos, receberam as duas doses da vacinas Pfizer-BioNTech ou Sinopharm.

Adel Al Redha, diretor de operações da Emirates, disse: “Nossa força de trabalho operacional está na linha de frente da aviação, ajudando as pessoas a chegar aos seus destinos e transportando produtos essenciais para comunidades globais. É importante proteger nosso pessoal com as vacinas – é importante para eles , para a nossa comunidade, para o bom desempenho das nossas operações, e também para os nossos clientes, pois isso garante uma camada adicional de proteção quando eles viajam pela Emirates. Vimos uma resposta muito positiva com a alta demanda e aceitação da vacina contra a Covid-19 dos nossos colegas que atuam na linha de frente das operações, com aumento contínuo no número de funcionários imunizados em toda a empresa. Gostaríamos de agradecer às autoridades dos Emirados Árabes Unidos por disponibilizar três tipos de vacinas no país e pelo seu compromisso proativo com a adoção do abrangente Programa Nacional de Vacinação.”

Quase 5 mil funcionários da cabine de piloto e cabine principal optaram por receber as duas doses da vacina da Covid-19. Além disso, milhares de funcionários do Grupo Emirates que atuam em outras funções tomaram a vacina da Covid-19 em clínicas e centros de vacinação associados à empresa, enquanto outros optaram por tomar a vacina em um dos muitos centros de vacinação nos Emirados Árabes Unidos.

Al Redha acrescentou: “No início da pandemia, a Emirates adotou medidas de segurança robustas para proteger e priorizar a segurança dos nossos clientes e funcionários em todos os estágios da viagem, e com o rápido progresso do nosso próprio programa de vacinação e altas taxas de aceitação da vacina, em breve mais voos Emirates terão funcionários da linha de frente totalmente vacinados. Também estamos confiantes de que, com mais pessoas vacinadas, além das fortes medidas de segurança em vigor, teremos a flexibilização dos requisitos de entrada em vários países.”

O programa de vacinação do Grupo Emirates é a sua iniciativa mais recente de uma série de medidas de proteção, reforçando o compromisso da Emirates com a saúde e segurança de seus clientes, funcionários e comunidades onde atua em todo o mundo. Os postos de vacinação do Grupo Emirates funcionam 12 horas por dia, todos os dias da semana, para priorizar e fornecer a vacina aos funcionários da linha de frente do setor da aviação.

Os Emirados Árabes Unidos apresentam hoje uma das maiores taxas de vacinação de cidadãos e residentes do mundo, enquanto luta para conter a disseminação da Covid-19. Até agora, os Emirados Árabes Unidos administraram mais de 5,4 milhões de doses da vacina da Covid-19, e o Our World In Data, um site de pesquisa da Universidade de Oxford, relatou recentemente que a taxa de distribuição do país é de 55,27 doses a cada 100 pessoas, a segunda maior do mundo.

Deixe uma resposta