Quando voltam a voar os Boeing 737 Max da Gol?

A Gol Linhas Aéreas possui 7 Boeing 737-Max 8 em sua frota. Todas as aeronaves estão paradas desde os acidentes com as aeronaves da Lion Air, em 29 de outubro de 2018, e da Ethiopian Airlines, em 10 de março de 2019, quando houve recomendação da Boeing para que todas as aeronaves do modelo no mundo fossem parqueadas até a resolução dos problemas de automação da aeronave.

Em 6 de outubro, a Federal Aviation Administration (FAA) publicou um relatório preliminar do Flight Standardization Board (FSB) sobre o treinamento proposto para pilotos do Boeing 737 Max, no qual a agência estabeleceu meia dúzia de etapas processuais que precisarão ser preenchidas antes da FAA conceder a aprovação final para as empresas aéreas novamente voarem nessa aeronave.

O relatório incorpora as recomendações do Joint Operations Evaluation Board (JOEB), que recentemente se reuniu. O JOEB é composto por autoridades da aviação civil dos Estados Unidos, Canadá, Brasil e União Europeia.

Em 26 de outubro, a Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) confirmou que também está próxima de conceder sua liberação integral.

A Gol espera retomar as operações com o Max até o final de dezembro de 2020. A companhia tem outras 49 aeronaves Max 8 encomendadas e 30 do modelo Max 10, além de outras 44 opções de compra.

Deixe uma resposta