A RIO Linhas Aéreas era uma empresa voltada para o transporte de cargas. Iniciou operações em 29 de julho de 2009 com um Boeing 727-200F na rota Curitiba – São Paulo – Salvador – Recife – Fortaleza, e continuava em franca expansão, aproveitando o desaparecimento de empresas cargueiras. 

Por motivos estratégicos e visando a consolidação da empresa no mercado, a RIO optou pelo modelo de negócios ACMI (Aircraft, Crew, Maintenance and Insurance), Fretamentos e Alianças com operadores logísticos a fim de criar forte elo de complementação e adequabilidade dos negócios às necessidades de mercado. Dentre os vários projetos da RIO, a prioridade está inicialmente no transporte aéreo doméstico e internacional de cargas, passando futuramente, se houver oportunidade de mercado, operar em rotas específicas e segmentadas para passageiros.

Em 2014 transportou 425.711kg de carga paga com queda de 32% comparado a 2013. Operava nas cidades de Brasília, Campo Grande, Cuiabá, Goiânia, Manaus, Porto Velho, Recife, Rio de Janeiro (GIG), Salvador e São Paulo (GRU), em voos com Hotran regular.

Suspendeu suas operações em 2017 e algumas de suas aeronaves foram repassadas para a Sideral Linhas Aéreas.

Deixe uma resposta