Home Notícias Aeroportos (Noticias) Programa mundial WLP pode trazer novas rotas aéreas para Viracopos

Programa mundial WLP pode trazer novas rotas aéreas para Viracopos

Programa mundial WLP pode trazer novas rotas aéreas para Viracopos

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), apresenta hoje, 25 de março, o programa WLP (World Logistics Passport ou Passaporte Mundial de Logística), que deve ampliar e facilitar a promoção comercial do Terminal de Carga com os países do Oriente Médio, Ásia e África por meio de novas rotas aéreas. Um dos principais objetivos do programa é conectar hubs globais com rotas mais eficientes.

O aeroporto é o primeiro do Brasil a ingressar neste programa mundial, criado pelo Governo de Dubai, e foi escolhido para ser o mega-hub do programa no Brasil em função tanto de sua localização geográfica estratégica no Cone Sul americano quanto pela sua importância e eficiência na cadeia logística de carga nacional e internacional, sendo o responsável hoje por receber cerca de 40% da carga importada pelo Brasil por via aérea.

O Programa WLP funciona como um sistema de fidelidade que oferece diversas vantagens para os clientes que resolverem trazer suas cargas para Viracopos através de novas rotas aéreas passando pelos Emirados Árabes Unidos, África e Brasil. Os membros do programa WLP recebem benefícios financeiros e não financeiros, proporcionados por aeroportos, portos, alfândegas, bancos e associações empresariais parceiras, quando demonstram incremento em volume de seus negócios. A adesão ao programa é totalmente gratuita.

O programa será apresentado hoje por Viracopos a alguns de seus principais clientes de carga. A expectativa de que haja o incremento das atividades comerciais cargueiras (importação e exportação) nos próximos meses em virtude do ganho em eficiência de custo e tempo oferecidos aos membros do Programa, além da possibilidade da promoção comercial de Viracopos e da aquisição de novos clientes nacionais e internacionais.

Além da concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, o projeto inclui a Dubai Chamber of Commerce & Industry.

Mais de 11 países, até agora, fazem parte do programa, incluindo Índia, África do Sul, Indonésia, Emirados Árabes, Dubai, Brasil, Colômbia, Chile, Uruguai, Senegal, Cazaquistão, entre outros. Além disso, corporações multinacionais, incluindo UPS, Pfizer, Sony, Johnson & Johnson e LG também estão envolvidos com o WLP.

Como um dos primeiros aeroportos dos países sul-americanos a aderir ao programa, Viracopos se consolida como uma das principais portas de entrada e saída de carga do Brasil. A localização estratégica do Terminal de Carga oferece ao WLP uma conexão com diversos países vizinhos tais como Paraguai, Argentina, Colômbia e Chile, além de oferecer uma ampla malha rodoviária para o escoamento e o recebimento de cargas de todo o país.

A região de Campinas e todo o interior de São Paulo também se beneficiarão significativamente por conta de sua infraestrutura e de seu desenvolvimento econômico. Parceiros da WLP, como DP World e Emirates Skycargo, poderão desempenhar um papel importante no avanço do Brasil no comércio com o resto do mundo.

“O início deste projeto mundial contribui para a formação de relevantes alianças empresariais para maior inserção econômica internacional do Brasil, do Estado de São Paulo e da região de Campinas (SP), além de facilitar o trânsito de mercadorias, favorecendo uma possível redução no custo do frete, o que, caso aconteça, poderá favorecer nosso setor de exportação e alavancar a economia”, destacou Marcelo Mota, diretor de Operações de Viracopos.

O WLP também cria oportunidades para empresas em todo o mundo para melhorar as rotas comerciais existentes e desenvolver novos negócios, por meio do primeiro Programa de Fidelidade Logística do mundo.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo Protegido !!
%d blogueiros gostam disto: