Aero Geral (Brasil)

788
Foto: Autor Desconhecido

Apesar de ter sido fundada em 1941, a Aero Geral iniciou suas operações somente em 1947. Em 1942 a empresa possuía um Monomotor Monocoupe 90A, um avião que não tinha condições de realizar as primeiras rotas autorizadas.

Diante disso, em 1944, a empresa que sequer tinha saído do chão, estava cessando suas atividades e agonizou por dois anos. Em 1946, A.F.McLaren, ex piloto da Panair do Brasil, se associou a Custódio Netto Júnior. E, março de 1947 eles adquiriram 4 aviões anfíbios Consolidated PBY-5 Catalina, aeronaves que eram excedentes de guerra americanos e estavam na Base Aérea de Natal. Com esta aeronave a rota se estendia de Natal para o Rio de Janeiro e Santos.

Devido ao sucesso da rota os empresários receberam ainda 1 Curtiss C-46 e 2 Douglas DC-3. Em 2 de junho de 1951 um dos Catalina de sua frota, PP-AGC, sofreu uma queda no litoral da Bahia, em voo do Recife para Salvador, o que levou a empresa a paralisar as atividades dos outros 3 aparelhos restantes.

Em maio de 1952 a Aero geral foi vendida à VARIG que adquiriu também os C-46 e os DC-3. A transação foi aprovada pelo Ministério da Aeronáutica em Julho de 1953.

Deixe uma resposta